terça-feira, 21 de novembro de 2017

Lava Jato persegue o PT e protege ladrões: estadunidenses, ingleses e os tucanos.

por Emanuel Cancella

Veja o vídeo desta matéria em: https://www.youtube.com/watch?v=IfndRtCYfkI

                                          Resultado de imagem para lava jato, vaza a jato
A lava Jato, de símbolo do combate à corrupção, esta virando  referência nacional e internacional de corrupção e cobrança de propina!

Quando a sociedade brasileira imaginava que a Lava Jato fosse fazer uma devassa em torno da denúncia de que a Inglaterra mudou regra do pré-sal, em que o golpista Mishell Temer cedeu ao lobby da Shell isentando as multis em hum trilhão de reais (1), para disfarçar, a Operação volta a perseguir petistas:

“Lava Jato prende ex-gerente da Transpetro suspeito de cobrar propina para o PT” (2).

A Lava Jato fez o dever de casa, quando prendeu diretores e gerentes da Petrobrás, claro que só na gestão do PT. Na ocasião, a Globo surfava com os vazamentos midiáticos e criminosos, com isso destruía a imagem da Petrobrás, minava o governo Dilma e ainda alcançava altos picos de audiência. Dilma foi cassada e grande parte do desgaste se deve a Lava Jato que agora quer impedir Lula de participar do pleito de 2018.  

Na verdade a Lava Jato e a Globo estavam só preparando o terreno para a rapinagem tucana. Conseguiram a queda da Dilma e enfraquecimento da Petrobrás e agora os tucanos fazem a alegria dos gringos, principalmente ingleses, americanos e chineses.

A sociedade já percebe que a Lava Jato, além de não investigar, ainda acoberta  os maiores bandidos da Petrobrás, como FHC, que se envolveu em corrupção na Petrobrás,  sendo várias vezes denunciado e, em muitas, junto com o próprio filho. FHC chegou a reconhecer em seu livro Diários da Presidência que havia corrupção na Petrobrás em seu governo. (11, 12,13).

Além de FHC, a Lava Jato faz também a blindagem do tucano, presidente da Petrobrás, Pedro lalau Parente. Chamo de Pedro Lalau porque este senhor é réu, desde 2001, em ação movida por petroleiro, em que Pedro Lalau já dava rombo de R$ 5 BI, na Petrobrás (6).

Pedro Lalau, agora indicado pelo golpista, Mishell Temer, e com total cumplicidade da Lava Jato, volta à Petrobrás para chafurdar ainda mais. Pedro Lalau continua vender ativos valiosos e estratégicos da Petrobrás, sem licitação, para quem quer e pelo preço que ele mesmo determina, como por exemplo.
- Vendeu o campo gigante do pré-sal, de Carcará, a preço de um refrigerante o barril de petróleo;
- entregou o braço mais lucrativo do setor petróleo, a petroquímica de Suape, ao valor de 5 dias de faturamento (7,9).

Para mostrar de que lado a Lava Jato está, foi essa Operação que se diz brasileira que chamou os procuradores americanos para investigar a Petrobrás (5), sabendo que as concorrentes americanas estavam querendo abocanhar a empresa brasileira. Se quisesse apurar alguma coisa, por que a Lava Jato não tentou mandar nossos procuradores investigarem a Chevron estadunidense?  Na campanha à presidência de 2009, a Chevron foi pega pelo Wikleaks, na troca de correspondência com o então candidato tucano, José Serra, este prometendo favores em prejuízo da Petrobrás (3).

A lava Jato fez mais para favorecer os americanos, pois também mandou os maiores corruptos da Petrobrás testemunharem contra a Petrobrás e o Brasil, em tribunais ianques (4).
Além de proteger bandidos, a Lava Jato está sendo denunciada por cobrar propinas nos trâmites para facilitar delação premiada. Dia 30/11 o advogado da Odebrechet, Rodrigo Tacla Duran, vai depor na CPI da JBS (8):

Duran, em entrevista à jornalista Mônica Bergamo, da Folha, disse que foi procurado pelo advogado Carlos Zucoloto Filho que, falando em nome da Lava Jato, lhe cobrou propina para facilitar acordo de delação premiada que, entre outras vantagens, lhe daria a prisão doméstica.

A partir daí a sociedade começa a entender por que grande parte dos bandidos pegos pela Lava Jato cumpre pena em suas casas, verdadeiros clubes de lazer, construídos com dinheiro da corrupção (10).
O mais grave é que Zucoloto é compadre de Moro e ex-sócio de sua esposa, Rosangela Moro. E, para não restar dúvida da falcatrua, a revista Veja publicou reportagem onde, com base em informação da Receita Federal, mostrava que Duran fez depósito na conta da mulher de Moro, Rosângela Moro (14,15).

A lava Jato, de símbolo do combate à corrupção, esta virando  referência nacional e internacional de corrupção e cobrança de propina!

Fonte: 1 - https://www.brasil247.com/pt/247/brasil/328275/TRF4-nega-pedido-de-absolvi%C3%A7%C3%A3o-sum%C3%A1ria-de-Marisa-Let%C3%ADcia.htm2 –


Rio de Janeiro, 21 de novembro de 2017. 

 Autor: Emanuel Cancella, OAB/RJ 75.300, ex-presidente do Sindipetro-RJ, fundador e ex diretor do Comando Nacional dos Petroleiros, da FUP e fundador e coordenador da FNP , ex-diretor Sindical e Nacional do Dieese, sendo também autor do livro “A Outra Face de Sérgio Moro” que pode ser adquirido em: http://emanuelcancella.blogspot.com.br/2017/07/a-outra-face-de-sergio-moro-pontos-de.html.

OBS.: Artigo enviado para possível publicação para o Globo, JB, o Dia, Folha, Estadão, Veja, Época entre outros órgãos de comunicação.

(Esse relato pode ser reproduzido livremente)

Meus endereços eletrônicos:
http://emanuelcancella.blogspot.com.


segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Em nome da justiça!

por Emanuel Cancella

Veja o vídeo desta matéria em: https://www.youtube.com/watch?v=NsxWuHL7dK8

Paulo Ramos, deputado do PSOL, que foi um dos elaboradores de nossa Constituição de 1988, inclusive na ocasião recebendo nota 10 do DIAP, votou agora contra a prisão ilegal dos parlamentares.  

                            Resultado de imagem para Em nome da justiça?
Em nome da justiça, deram impeachment na Dilma e ainda querem prender Lula ou torná-lo inelegível em 2018, nos dois casos, sem qualquer comprovação de crime.

Em nome da justiça e no combate à corrupção, fizeram o mensalão que prendeu parlamentares, a maioria petistas, mas nem sequer julgaram o mensalão tucano, mesmo que anterior ao do PT, e que está prescrevendo sem julgamento (2).

Em nome da justiça e no combate à corrupção, prenderam diretores e gerentes da Petrobrás, mas só na gestão do PT. E as gestões tucanas impunimente estão destruindo a Petrobrás:
- primeiro foi FHC, envolvido em corrupção na Petrobrás, e em muitas, até  com seu filho. FHC reconheceu em seu livro, Diários da Presidência, que havia corrupção na Petrobrás em seu governo, nem assim sequer foi investigado (1,3,4).

- o tucano Pedro Lalau Parente está liquidando a Petrobrás em nome da justiça ou da Lava Jato. Chamo de Pedro Lalau porque este senhor é réu, desde 2001, na venda ilegal de ativos, quando deu um rombo de R$ 5 BI na Petrobrás (6).
Agora, Lalau foi indicado pelo golpista Michel Temer e, sob os auspícios da Lava Jato, ou em nome da justiça, vende ativos valiosos e estratégicos sem licitação, para quem quer e pelo preço que ele mesmo estipula. Foi assim com o campo gigante do pré-sal, de Carcará, a preço de um refrigerante o barril de petróleo. Vendeu também a petroquímica de Suape ao valor de 5 dias de faturamento e muito mais (7,8).

Em nome da justiça, Lalau e a Lava Jato tiraram a Petrobrás dos setores mais lucrativos da indústria do petróleo: petroquímico, gás, fertilizantes e biocombustíveis (9).
E foi também, em nome da justiça, que Pedro lalau e a Lava Jato destruíram a Engenharia Nacional e acabaram com a Indústria Naval (12,13).

Fizeram mais, retomaram do governo de FHC, que tentou privatizar a Petrobrás, um dispositivo aduaneiro,  chamado Repetro, que isenta de impostos as importações de máquinas e equipamentos do setor petróleo, matando assim a indústria nacional(16).    

E em nome da justiça deram o golpe no país e querem dar o golpe dentro do golpe, implantando o parlamentarismo ou trocando Temer por outro golpista, através de um colégio eleitoral, formado, em sua maioria, de deputados e senadores corruptos e golpistas.

E em nome da justiça queriam prender os parlamentares fluminenses, Jorge Picciane, Paulo Melo e Edson Albertassi , rasgando a nossa Constituição Federal, que diz que parlamentar só pode ser preso em flagrante delito ou por condenação em processo legal transitado em julgado. A prisão desses incautos tem que se dar dentro do processo legal com o julgamento transitado em julgado.

Mesmo sendo bandidos incontestes, como no caso, a lei precisa prevalecer!
Lembrando que a Lava Jato está por trás da prisão dos deputados fluminenses, através da Operação Cadeia Velha, um desdobramento da Operação Lava Jato (17).


Paulo Ramos, deputado do PSOL, que foi um dos elaboradores de nossa Constituição de 1988, inclusive na ocasião recebendo nota 10 do DIAP, votou agora contra a prisão ilegal dos parlamentares.  Erro imperdoável cometeria Paulo Ramos, como autor da nossa Carta Magna, se votasse contrariando seu preceito.

Eles prendem para, depois, achacar...

Ninguém comenta mais acerca de juiz e procurador da Lava Jato que, através de negociação de delação premiada, colocam os maiores corruptos do país   para pagar sua penas em casa, verdadeiros clubes de lazer, construídos com dinheiro da corrupção (5).
Mesmo com o advogado da Odebrechet, Tacla Duran, dizendo que foi procurado pelo advogado Zucoloto, compadre de Moro e ex-sócio de sua esposa, Rosangela Moro, pedindo propina, pois falava em nome da Lava Jato, para negociar  delação premiada, que, outras benesses, daria a Tacla a prisão domiciliar.  E o pior foi que a revista Veja, com base em informação da Receita Federal, publicou que Duran fez depósito na conta da mulher de Moro, Rosangela Moro (10,11).

E, enquanto mandam prender governadores, deputados, e senadores, ao arrepio da lei, nossos juízes e procuradores fazem lobby no Congresso Nacional para que juízes e procuradores fiquem de fora do crime de responsabilidade (14,15).

Tudo em nome da justiça!


Rio de Janeiro, 20 de novembro de 2017. 

 Autor: Emanuel Cancella, OAB/RJ 75.300, ex-presidente do Sindipetro-RJ, fundador e ex diretor do Comando Nacional dos Petroleiros, da FUP e fundador e coordenador da FNP , ex-diretor Sindical e Nacional do Dieese, sendo também autor do livro “A Outra Face de Sérgio Moro” que pode ser adquirido em: http://emanuelcancella.blogspot.com.br/2017/07/a-outra-face-de-sergio-moro-pontos-de.html.

OBS.: Artigo enviado para possível publicação para o Globo, JB, o Dia, Folha, Estadão, Veja, Época entre outros órgãos de comunicação.

(Esse relato pode ser reproduzido livremente)

Meus endereços eletrônicos:
http://emanuelcancella.blogspot.com.


domingo, 19 de novembro de 2017

Em defesa do deputado Paulo Ramos, do PSOL!

por Emanuel Cancella

Veja o Vídeo em: https://www.youtube.com/watch?v=9sMugZu6uSE

                                 Resultado de imagem para Brizola e paulo Ramos?

Paulo Ramos faz parte da reserva moral do nosso Legislativo! 
Quem conhece Paulo Ramos, principalmente sindicalistas e militantes dos movimentos sociais, sabem de seu comprometimento com as lutas e bandeiras legítimas dos trabalhadores. Paulo Ramos foi deputado Constituinte em 1988, que resultou na “Constuição Cidadã”!

Paulo Ramos agora preside a CPI da Petrobrás enfrentando os inimigos da Petrobrás:  Temer e o PSDB principalmente.

Eu sou um crítico do STF, mas a Suprema Corte acertou quando decidiu que cabia ao Senado a decisão final do destino do senador Aécio Neves, isto porque, pela Constituição Federal, os poderes são independentes. E o mesmo se aplica à Alerj, cabendo aos deputados do Rio decidir se acatariam a prisão decretada pela Justiça.

Ninguém tem dúvida de que os parlamentares Aécio Neves, Jorge Picciane, Paulo Melo e edson Albertassi são bandidos de carteirinha, mas não podemos estuprar nossa Constituição, usando um artifício que,  daqui a pouco, será usado contra nós mesmos, digo, nossos poucos aliados no Parlamento. Que Picianni, Melo e sua turma sejam presos ao final do processo, mas, que lhes sejam dado o amplo direito de defesa garantido pela lei e se condenados, sejam presos.  

Deputados da maior dignidade como Gilberto Palmares que votaram pela prisão ouviram a voz das ruas, Paulo Ramos seguiu a Constituição Federal. Não temos duvidas que a ampla maioria do deputados que votou pela liberdade foi por interesses escusos o que com certeza não é o caso de Paulo Ramos.    

Se a justiça pode prender quem quiser por que não prendem o Temer,  “O chefe da quadrilha mais perigosa do Brasil”?  Muito pelo contrário, o juiz da Lava Jato, Sergio Moro, cancelou 21 das 41 perguntas de Eduardo Cunha, num claro intuito de proteger Temer (2). O senador tucano, Aécio Neves é recordista em denuncias na Lava Jato e nunca foi preso pela Operação (3).

Digo isso porque a Lava Jato está por trás da prisão dos deputados fluminenses, através da Operação Cadeia Velha, um desdobramento da Operação Lava Jato (1). 

A lava Jato que não prendeu nenhum tucano agora investe contra o PMDB. A sociedade exige que todos os corruptos independente do partido que pertença, se julgado com amplo direto de defesa se for condenado, vá para a cadeia. A lava Jato e o Banestado apesar das inúmeras denuncias nunca prendeu um tucano. Vale lembrar que o juiz Moro chefiou a investigação do Banestado e agora chefia a lava Jato.    

E agora Sérgio Moro quer tornar inelegível ou prender Lula, mesmo sem provas.

Creio que o PSOL se precipitou em anunciar a expulsão do parlamentar. Quem não se lembra da crucificação de Brizola, o grande aliado de Paulo Ramos, quando disse que “Por mim a CPI não saía!”. Ele se referia à CPI que resultou no impeachment de Collor . Brizola achava um absurdo uma CPI sem o criador de Collor, a Globo, fazer autocrítica.

Brizola também determinou ao seu secretário de Segurança do Estado do Rio que usasse as mesmas prerrogativas de ação, tanto no morro como em Ipanema.  Não podia entrar na favela arrasando os pobres. Brizola assim
foi tachado de aliado dos traficantes. Essas atitudes corajosas de Brizola lhe causaram um grande desgaste. Mas a história mostrou que ele tinha razão, pois a Globo, depois disso, deu um golpe contra Dilma e agora quer dar o golpe dentro do golpe.   E os golpistas colocam a força Nacional na Rocinha, a maior favela do Rio, como se os pobres fossem os culpados pelo golpe dos ricos.

Creio que já foi causado um grande prejuízo à imagem do deputado Paulo Ramos, mas nunca é tarde para rever nossas posições!

3 - https://www.brasil247.com/pt/247/minas247/255474/Recordista-em-dela%C3%A7%C3%B5es-A%C3%A9cio-Neves-cobra-arrependimento-de-Lula.htm

Rio de Janeiro, 19 de novembro de 2017. 

 Autor: Emanuel Cancella, OAB/RJ 75.300, ex-presidente do Sindipetro-RJ, fundador e ex diretor do Comando Nacional dos Petroleiros, da FUP e fundador e coordenador da FNP , ex-diretor Sindical e Nacional do Dieese, sendo também autor do livro “A Outra Face de Sérgio Moro” que pode ser adquirido em: http://emanuelcancella.blogspot.com.br/2017/07/a-outra-face-de-sergio-moro-pontos-de.html.

OBS.: Artigo enviado para possível publicação para o Globo, JB, o Dia, Folha, Estadão, Veja, Época entre outros órgãos de comunicação.

(Esse relato pode ser reproduzido livremente)

Meus endereços eletrônicos:
http://emanuelcancella.blogspot.com.


sábado, 18 de novembro de 2017

Somos todos mulheres do Mundial!

por Emanuel Cancella

O mesmo que os supermercados estão fazendo com seus trabalhadores está sendo feito com os petroleiros: redução de pessoal e de direitos.  Os petroleiros já marcaram greve, por tempo indeterminado, a partir do dia 29, caso a empresa não mude sua proposta.

Veja o vídeo desta matéria em : https://www.youtube.com/watch?v=ogHkEJO4Y5g

Resultado de imagem para mulheres na luta?

Essas mulheres do supermercado Mundial mostraram o caminho de barrar a Reforma Trabalhista de Temer na prática.
Segundo o Esquerda Diário:

“Assim, da noite pro dia, decidiram que não iriam mais pagar o adicional de 100% aos domingos e feriados. Essa medida arbitrária de ataques aos direitos é a famosa "negociação" que a reforma trabalhista dizia que iria acontecer entre patrões e empregados, suplantando os direitos garantidos em lei. Mas os trabalhadores do Mundial mostraram que não irão deixar barato, e espontaneamente começaram a fazer manifestações e paralisações em frente às lojas da rede”. (2)

“Um anúncio de vagas da empresa Sá Cavalcante, que opera franquias das redes Bob's, Spoleto e Choe's Oriental Gourmet, chamou a atenção nas redes sociais nos últimos dias. Isso porque a oferta de emprego destaca um salário de R$ 4,45 por hora trabalhada, em uma jornada de cinco horas nos finais de semana”. Menos de R$ 400,00, por mês. Isso é trabalho escravo (3)!
Na “Privataria Tucana”, os petroleiros derrotaram a privatização da Petrobrás com uma greve de 32 dias, apoiados pela sociedade civil organizada, com o lema “Somos todos petroleiros”.

O mesmo que os supermercados estão fazendo com seus trabalhadores está sendo feito com os petroleiros: redução de pessoal e de direitos.  Os petroleiros já marcaram greve, por tempo indeterminado, a partir do dia 29, caso a empresa não mude sua proposta.

Nós, enquanto consumidores, podemos ajudar,  em muito, a luta das mulheres nos supermercados. Podemos escolher onde comprar, pois agora, além dos preços baixos, vamos buscar comprar nas redes de supermercados que não explorem seus trabalhadores.

As mulheres sempre mostraram o caminho da luta:

“As histórias que remetem à criação do Dia Internacional da Mulher alimentam o imaginário de que a data teria 8 de março surgiu a partir de um incêndio em uma fábrica têxtil de Nova York em 1911, quando cerca de 130 operárias morreram carbonizadas.

O primeiro Dia Nacional da Mulher foi celebrado em maio de 1908 nos Estados Unidos, quando cerca de 1500 mulheres aderiram a uma manifestação em prol da igualdade econômica e política no país. No ano seguinte, o Partido Socialista dos EUA oficializou a data como sendo 28 de fevereiro, com um protesto que reuniu mais de 3 mil pessoas no centro de Nova York e culminou, em novembro de 1909, em uma longa greve têxtil que fechou quase 500 fábricas americanas”.

Em 1910, durante a II Conferência Internacional de Mulheres Socialistas na Dinamarca, uma resolução para a criação de uma data anual para a celebração dos direitos da mulher foi aprovada por mais de cem representantes de 17 países. O objetivo era honrar as lutas femininas e, assim, obter suporte para instituir o sufrágio universal em diversas nações (1).”


Olho vivo e a partir de agora: Somos todos mulheres do Mundial!




Rio de Janeiro, 18 de novembro de 2017. 

 Autor: Emanuel Cancella, OAB/RJ 75.300, ex-presidente do Sindipetro-RJ, fundador e ex diretor do Comando Nacional dos Petroleiros, da FUP e fundador e coordenador da FNP , ex-diretor Sindical e Nacional do Dieese, sendo também autor do livro “A Outra Face de Sérgio Moro” que pode ser adquirido em: http://emanuelcancella.blogspot.com.br/2017/07/a-outra-face-de-sergio-moro-pontos-de.html.

OBS.: Artigo enviado para possível publicação para o Globo, JB, o Dia, Folha, Estadão, Veja, Época entre outros órgãos de comunicação.

(Esse relato pode ser reproduzido livremente)

Meus endereços eletrônicos:
http://emanuelcancella.blogspot.com.



sexta-feira, 17 de novembro de 2017

MPF denuncia Lula só para encobrir a corrupção da Globo na Fifa!

por Emanuel Cancella


                                     Resultado de imagem para MPF denuncia Lula só para encobrir a corrupção da Globo na Fifa!
Agora assistimos à Globo ser denunciada pela justiça de Nova York, inclusive mostram até o caminho da propina (1). E, como o nosso MPF continua calado, a Globo se investiga, ela mesmo rejeita a denúncia e ela mesmo se julga inocente, substituindo o MPF e a justiça:
:
 “Sobre depoimento ocorrido em Nova York, no julgamento do caso Fifa pela Justiça dos Estados Unidos, o Grupo Globo afirma veementemente que não pratica nem tolera qualquer pagamento de propina (2)”

Essa é a mesma Globo que sonegou o Imposto de Renda da Copa do Mundo de 2002 e que está envolvida no escândalo de lavagem de dinheiro do Swssleaks e no Panamá Papers (3,4,5). Ninguém apura nada, apesar das denúncias!

O MPF para desviar atenção da sociedade, diante do escândalo envolvendo a GLOBO bloqueia os bens de Lula, mais uma vez. Detalhe: bens, que Lula não os possui (6).
E o MPF se cala! Mas a distorção se aplica ao STF, guardião da Constituição, como também à Receita Federal,  que atua no combate à elisão e evasão fiscal (sonegação), contrabando, descaminho, pirataria e tráfico de drogas e animais. Vale, da mesma forma, para o TST, cuja função precípua consistiria em uniformizar a jurisprudência trabalhista brasileira
.
Nesses órgãos, seus expoentes recebem além dos supersalários,  vantagens jamais obtidas pelo trabalhador, como auxílio educação, moradia e paletó. Ainda recebem diárias que, na verdade, constituem-se em mais um salário. E ainda contam com recesso e férias, devidamente remuneradas.

Quem paga o salário dessa turma é o contribuinte! Entretanto eles atuam, com suprema eficácia, no interesse espúrios das grandes empresas e dos bancos, nacionais e internacionais.

E fazem isso de forma descarada! Como nas denúncias abaixo:
 -  “Em três meses, Temer perdoa quase R$ 30 bi dos bancos”. R$ 25 BI para o Itaú (equivalente a 490 malas do Geddel) e o restante para Santander e Bradesco (7). Essa benesse com dinheiro público tem o aval do MP e da Receita Federal;

- “Sonegação de impostos chega a R$ 420 bilhões no Brasil em 2015 (8)”.

-  “ Operação Zelotes: Valor sonegado ultrapassa Lava Jato (9)”. A sonegação e a operação Zelotes envolvem as grandes empresas brasileiras e a Receita
Federal finge que não vê e prioriza pegar o contribuinte comum na malha fina.

- O presidente do TST, Ives Gandra,  disse que a retirada de direitos dos trabalhadores é bom para geração de empregos (9). Gandra poderia dar o exemplo reduzidos seus privilégios.

- O STF, guardião da Constituição Federal, apoiou todos os golpes no Brasil, inclusive o de 2016,  em total desprezo à Constituição Federal (10).

Além do STF, do MPF e da Receita Federal defenderem interesses espúrios e privados e de serem muito bem remunerados pelo contribuinte, pasmem: a nossa presença não é bem quista. Seus locais de trabalho são verdadeiras fortalezas, com seguranças das mais requintadas em todos os níveis. Tudo  pago com nosso dinheiro!

A presença do cidadão nesses órgãos, quando permitida, é em numero reduzidíssimo. Com certeza considerando os serviços prestados que os representantes dos interesses privados nesses órgãos não têm nenhuma dificuldade de contato.

Não podemos continuar a remunerar esses órgãos públicos com supersalários e com todo tipo de privilégio para eles defenderem o interesse privado e espúrio.

Vamos começar com uma salva de vaias onde eles estiveram. E, quem sabe, estender a todos eles o tratamento dado aos golpistas: o prefeito de São Paulo, João  Dória, com a ovação, em Salvador – BA;  e o ministro, Gilmar Mendes  com chuva de tomates (11,12)!
  

3 - https://www.brasil247.com/pt/colunistas/paulopimenta/224699/A-Rede-Globo-e-os-%E2%80%9CPanama-Papers%E2%80%9D-%E2%80%93-O-que-s%C3%B3-foi-divulgado-na-Holanda.htm

Rio de Janeiro, 17 de novembro de 2017. 

 Autor: Emanuel Cancella, OAB/RJ 75.300, ex-presidente do Sindipetro-RJ, fundador e ex diretor do Comando Nacional dos Petroleiros, da FUP e fundador e coordenador da FNP , ex-diretor Sindical e Nacional do Dieese, sendo também autor do livro “A Outra Face de Sérgio Moro” que pode ser adquirido em: http://emanuelcancella.blogspot.com.br/2017/07/a-outra-face-de-sergio-moro-pontos-de.html.

OBS.: Artigo enviado para possível publicação para o Globo, JB, o Dia, Folha, Estadão, Veja, Época entre outros órgãos de comunicação.

(Esse relato pode ser reproduzido livremente)

Meus endereços eletrônicos:

http://emanuelcancella.blogspot.com.